Poema – Poetisa Olema Mariz

Minha alma cigana

Minha alma é cigana
Inquieta, alegre, sensível
Vive a ler a mão do destino
E a seguir caminhos decifrados
Percorre a caravana dos sonhos
Com sua saia rodada
Dança as suas raízes
Com asas sempre aprendizes
E a noite estrelas iluminadas
Irradiam luz e esplendor
Brilham em seus cabelos, flores
Lenços acenando amor
E ela em total enlevo
Corpo pura emoção
Baila pra seu amor
Com sua cigana alma!


Olema Mariz

Um comentário sobre “Poema – Poetisa Olema Mariz

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s