Poema – Poetisa Virgínia de Oliveira ” A Empoderada”

DAS TARDES

É tarde nesta música que ouço
deste meu viver tão tarde
entre roupas estendidas no varal
nas tardes azuis de verão.

A tarde é uma fogosa dama
e me põe um batom carmim
meu beijo lento e ardente
nesse teu rio em mim.

Tarde é teu nome verde
teu cheiro feito de tardes
melissa alfazema manjerona
Três aromas, um só gosto
tenho –te língua,
desejo que não me sai da boca!

E eu te amo como quem
consegue tardar o amor
em nuvens borboletas serafins.
Tardo a te merecer e a encontrar-te
dentro e tão longe de mim.

Virgínia de Oliveira
( Do Livro Breve Poemas De Amor E Alguns Lamentos)

Um comentário sobre “Poema – Poetisa Virgínia de Oliveira ” A Empoderada”

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s