Poema – Poeta Luis Antônio Santos e Santos O Escritor da Solidão

Sem você só resta os porquês

Eu quero falar a você a importância dos porquês…

Não quero que penses que os porquês de não me compreender destrói os meus sentimentos por você..

Mas, sem as razões desses porquês insanos e cheios de segredos eu acabo sem entender como suporto a falta que tenho de você…

Não da sua presença física, mas do porquê da ausência dos seus sentimentos que por muitas vezes trazia a sintonia de ter você…

Luis Antônio Santos e Santos – O Escritor da Solidão

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s