Poema : Poeta Matheus Peleteiro

Como Uma Estrela Cadente

Ela foi como uma estrela cadente que passou por mim para nunca mais voltar e eu já nem me lembro tanto assim do seu rosto, ou do motivo do seu brilho mas sempre lembro dela, me pego sorrindo involuntariamente.

Dizem que quando estrelas cadentes passam por ti, você faz um pedido,
Eu desejei que nunca mais te visse novamente.
O pedido foi realizado.
O nosso momento continua eterno em minha memória.

Matheus Peleteiro

Um comentário sobre “Poema : Poeta Matheus Peleteiro

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s