Poema : Poetisa Michele Mi

Coração de aço

Insossa, trancafiada
Sem espaço para sabedoria
Prepotente, alienada
Sem carta de alforria

Assim a alma se tornou
Dura, resistente
Nenhuma palavra penetrou
Percepção ausente

Tão certo será a colheita
Lei da semeadura
Naturalmente perfeita
Como vemos na agricultura

Bolha flutuante
Girando sem parar
Estrela da vida radiante
Querendo no imo raiar

Coração de aço
Pensava ser infalível
Pela estrada estilhaços
Existência corruptível

Ah! Leveza da vida
Mudança dos corações
Quiçá houvesse uma brecha!
Então findariam os grilhões

Abaixe os olhos em reverência
Respeito e humildade
Transmute-se consciência
Sinta o ar da liberdade

Sinta o toque do amor
Abra as portas da tua cela
Deixe a vida com sua cor
Mudar o tom da sua tela

Michele Mi ❤️
Tema sugerido por: Simone Nascimento – Taboão da Serra/SP

Um comentário sobre “Poema : Poetisa Michele Mi

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s