Poema : Poetisa Marilda Sampronha “A Diva da Poesia”

Um Poema no Balão

Eu queria ser um grande balão colorido
E voar com as asas da esperança
Levar um poema que fosse divertido
Em algum lugar onde chora uma criança.

Seria um poema todo enfeitado de flores
E o declamaria com toda a euforia
Diria à criança que nem tudo são dores
E que ela certamente dos pais é a alegria.

Também diria que a vida é uma canção
E seu ritmo é o mais belo dançar
E tem que pôr amor em toda melodia.

Queria sim ver esta criança se alegrar
Ver o sorriso aberto em sua fisionomia
E fazê-la acreditar na magia de um balão.

Marilda Sampronha
28.01.2022
Direitos Reservados

Um comentário sobre “Poema : Poetisa Marilda Sampronha “A Diva da Poesia”

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s